A análise SWOT surgiu no ambiente acadêmico, sendo elaborada pelo norte-americano Albert Humphrey, que entre as décadas de 1960 e 1970, estava desenvolvendo um projeto de pesquisa para a Universidade de Stanford. Sem saber, Humphrey criou uma das ferramentas mais utilizadas no mundo dos negócios atual.

SWOT tem sua nomenclatura de origem norte americana e as quatro letras que configuram a formatação da palavra significam: S (Strengths), W (Weaknesses), O (Opportunities), T (Threats). Em português, forças, fraquezas, oportunidades e ameaças, assim sendo nomeada a matriz FOFA.

A análise de SWOT é extremamente importante para que o gestor possa visualizar como anda o funcionamento da sua organização e auxilia também a analisar a concorrência dividindo-se em duas partes, externa e interna.Do ponto externo temos a análise do ambiente, que é voltado para as forças e fraquezas, e o ponto interno a análise organizacional que enfatiza as oportunidades e ameaças.

Para uma boa análise da Matriz de SWOT é necessário que o gestor tenha definido o que quer visualizar. É importante ter pré definindo qual será o objeto de análise.

A SWOT pode ser feita para analisar diversos aspectos de sua organização. Exemplificando: O gestor da organização A deseja saber como anda o funcionamento do setor de produção. O primeiro passo foi definir o que ele vai analisar. O segundo passo é fazer a verificação das forças, para isso ele deve se perguntar: ”O que torna esse setor forte?” e colocar no primeiro tópico, tais como: Tenho uma equipe preparada, as máquinas são boas, os colaboradores estão motivados.

O segundo tópico são as fraquezas; Para isso, o gestor deve responder a seguinte questão: ”O que torna esse setor fraco?” e listar também: Tenho funcionários bons, porém são poucos, falta mão de obra.

O terceiro tópico são as oportunidades. São as coisas que podem gerar um avanço para aquele setor, exemplificando: temos uma máquina única que veio do exterior que faz um trabalho excelente e só nosso setor de produção possuí.

O quarto tópico são as ameaças. Para isso deve ser respondida a questão: O que pode fazer com que o meu setor desapareça? pode ser exemplo: posso ter meu produto substituído por algo mais tecnológico.

Ao final, o gestor unirá os quatro pontos e a partir daí terá a relação do que está sendo observado, onde está acertando, errando, e a partir dessa observação elaborar um plano de ação para resolver o que está saindo errado. A análise de SWOT é uma autoavaliação de como está a saúde do seu empreendimento.

Fonte: https://administradores.com.br/artigos/como-elaborar-uma-matriz-swot?fbclid=IwAR3FTI-GfjeTAe1Z-U0M_ySVQg71U5CO8hXwsyxEMT4bJBt2357JflbjlpI